Skylane Optics, uma empresa da provincia de Namur, na Bélgica, criada em 2009 por Philippe Bolle, é uma pepita tecnologica no coração da região da Valônia. Seu principal produto: transceptores ópticos, os quais convertem o sinal elétrico em um sinal óptico e vice-versa.

Apenas um pouco maior do que um pendrive, eles aumentam a potência e a velocidade da transmissão de dados em uma rede de fibra óptica.

 

Presente na Europa, Brasil, México, Colômbia e Estados Unidos, a Skylane Optics é uma multinacional que cresce constantemente no mercado hipercompetitivo para telecomunicações.

 

“ESTES SÃO OS TRANSCEPTORES ÓPTICOS DE PHILIPPE BOLLE QUE PERMITIRAM OS CANAIS TELEVISÃO DO MUNDO INTEIRO RETRANSMITIR OS JOGOS DA COPA DO MUNDO, EM 2014. ”

Innovatech.be

 

Carros conectados à automação residencial inteligente, incluindo

serviços de pagamento móvel, o mercado de telecomunicações está em constantemente evolução. A tecnologia de hoje e de amanhã sempre exige uma velocidade de transmissão de dados maior, sempre mais largura de banda, alta velocidade e sob demanda. O transceptor, um aliado natural da implantação da rede de fibra óptica, tornado-se indispensavel.

 

Na Bélgica, a conexão com o assinante (Fiber To The Home) ainda é pouca,considerando que em países como os Países Baixos, o Grão-Ducado do Luxemburgo, Espanha,Portugal ou Suécia, foram lançados numerosos projetos para conectar as residencias com fibra óptica.

 

Embora alguns países ainda estejam instalando o 4G, já existem anúncios que num futuro muito próximo, chegará o 5G, que permitirá à indústria 4.0 desenvolver os objetos conectados surgirem. Projetado para atender às crescentes necessidades de dados e conectividade da sociedade moderna, o 5G apoiará inovações do amanhã, como o carro conectado que será particularmente um grande consumidor de trafego de dados em 5G.

A Skylane Optics participa ativamente da implantação dessa evolução, equipando o rede metro-core (rede que permite que todas as cidades se conectem) graças a sua tecnologia de ponta unica.

 

Hoje, o playground da Skylane Optics,são precisamente os desafios relacionados ao metro-core. Ele permite a evolução do tráfego de banda larga, tanto para o público em geral quanto para os data centers. Quanto mais rápido o metro-core se espalhar, mais rápido o 5G chegará. A rede metro-acces reúne as operadoras de telecom conhecidas por todos, mas que também possuem suas redes metro-core. Fazem parte do alto desempenho dos produtos Skylane Optics nestas duas redes.

 

A instalação de fibra ótica é um processo muito complexo e que exige

muito tempo e foco, o mundo das telecomunicações quer evoluir para um novo mecanismo tecnológico que possa revolucionar sua implantação.

 

A rede de fibra óptica está em constante evolução, e hoje são propostas duas soluções para simplificar sua instalação. A multiplexação por divisão de comprimento de onda grossa (CDWD), que

pode conter até 18 canais por fibra, a qual foi desenvolvida primeiro, mas que foi rapidamente substituído pela muito mais eficiente multiplexagem por divisão de comprimento de onda densa (DWDM), com 40

canais por fibra. No entanto, este último, quando foi lançado tinha

preços altos e de instalação muito complexas, sem contar do prazo de entrega de seus equipamentos ao cliente, entre 6 a 9 meses para sua entrega, porque apenas três Wafer Fabs (muitos processo sequenciais repetidos para produzir circuitos fotônicos), são capazes de  produzirem esses lasers.

 

Além disso, construir uma rede DWDM também não é uma das tarefas mais fáceis, porque depende de uma montagem manual perigosa: gerenciando manualmente, centenas de cabos ópticos  em um rack encima de um poste, definitivamente não é uma coisa fácil para um técnico.

 

A chegada do Tunable

 

Quando os transceptores ópticos sintonizaveis, também chamados de Full C Band Tunable (C Band = Banda Convencional)nascem, este laser permite, graças a um transceptor, escolher manualmente o canal DWDM

desejado. Seus pontos fortes? Sua entrega é muito mais rápida e uma instalação muito mais prática, em substituindo os 40 canais DWDM, que até então eram transceptores ópticos de canais fixos DWDM, passam a serem conectados por um único transceptores ópticos de canais DWDM sintonizaveis, bastando apenas o sintonizar no canal desejado. Portanto,uma vantagem operacional e financeira, visto a rapidez em colocar operacional a rede.

 

Apesar dessa evolução, permanece uma restrição na instalação. Isso requer a sincronização manual de dois transceptores,que se encontram em locais distantes um do outro, assim encontrando o comprimento de onda (canal DWDM) certo, assim se comunicando. Esta técnica requer

numerosos testes e discussões entre os técnicos e o gerente da rede.

 

Evolução para o Autotuning

 

A automação parece ser a idéia mais inteligente. O ajuste automático do canal DWDM, nasceu na ITU-T (União Internacional de Telecomunicações). Uma real evolução comparado ao Tunable, o auto-tuning é um software instalado dentro dos transceptores que, com a técnica de “Handshaking”  entre eles, seleciona o comprimento de onda (canal DWDM),automaticamente. A unica condição para

uma boa conexão é que seja usado o mesmo Part Number de cada lado do circuito óptico. O ganho de tempo graças a esta nova ferramenta é enorme, pois leva apenas de 30 a 90 segundos para a ativação, contra no minimo uma hora no processo anterior. O conceito, cada fabricante de transceptor óptico decide criar seu próprio autotuning (10GB / segundo).

 

Nesta área, a Skylane Optics se destaca e oferece um produto único e específico para o mercado: autotunning DWDM óptico (software projetado e desenvolvido pela Skylane Optics) Compatível com Infinera (líder mundial em soluções ópticas, baseada na Califórnia), para um sinal acessível e de qualidade que simplifica drasticamente o processo de implantação de redes DWDM.

 

Essa revolução é o Auto-lambda. Sua operação, em suma, consiste na conexão de dois transceptores automáticos localizados em cada extremidade da rede ópticos. Eles se comunicam a uma baixa velocidade sobre uma frequencia para que a conectividade seja estabelecida, e

finalmente no comprimento de onda certo, sem a intervenção de qualquer computador. E os serviços de um tecnico são necessários apenas para conectar o transceptor SFP+ no slot. Assim reduzindo consideravelmente a complexidade de implantação e minimizando as chances de erros.

 

 

 

Exemplo de caso um prático, se ocorrer uma falha de energia, o Auto-lambda poderá reconectar sozinho, pois possui funcionamento totalmente automatico quando as duas extremidades estão conectadas.

 

Graças à conclusão deste procedimento, a Skylane Optics oferece uma solução de ponta cujos benefícios são numerosos:

  • otimização de custos e instalação.
  • uma taxa menor de erros.
  • nível de praticidade incomparável.

 

E a Skylane Optics não para por ai, pois atualmente está desenvolvendo

soluções inovadoras que moldarão as redes de telecomunicações de amanhã,como o nosso TCS, um produto totalmente personalizável para o cliente e desenvolvido 100% pela Skylane Optics, que será o produto lider do ano 2020. Fique atento e de olho as novidades que a Skylane Optics está prestes a lançar no mercado brasileiro.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O SFP+ Auto Tuning está disponível!
Não hesite em contactar-nos para mais informações!

Novidades da Skylane Optics

Todas as notícias Julho